Connect with us

O que você está procurando?

Saúde

5 hábitos diários que são tão ruins quanto fumar

Se você tem algum desses hábitos, saiba como mudá-los e ter mais qualidade de vida

Foto: iStock
[PAGE TITLE]
Foto: iStock

Foto: iStock

Com frequência, aparecem novos estudos alegando que determinados hábitos fazem tão mal quanto fumar. Reunimos alguns desses tais hábito que, segundo a ciência, expõem sua saúde a males parecidos com os do cigarro e do câncer. Felizmente, com algumas mudanças em sua rotina, é possível ter mais qualidade de vida. Vem ver!

1 – Ficar sentado o dia todo

Mesmo que você pratique exercícios regularmente, ficar sentado por longos períodos no carro ou no escritório está ligado a muitos problemas de saúde. De acordo com a Alberta Health Services-Cancer Care no Canadá, a inatividade está ligada a 160 mil casos de câncer de língua, mama, próstata e cólon todos os anos. Mais ou menos 2/3 do número de pessoas com câncer causado pelo cigarro.

O correto: é essencial fazer pequenas pausas no trabalho. Vale até caminhar um pouco pelo escritório, caso você trabalhe em um. Se a situação é oposta,

Em casa, resistir à tentação de ficar sentado na frente da TV. Fazer uma curta caminhada em torno do quarteirão para relaxar, passe alguns minutos na limpeza da casa, ou vá a academia.

Advertisement. Scroll to continue reading.

 

Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

2 – Comer muita carne e queijo

A carne (bovina, suína e de frango) possui diversos hormônios e antibióticos que são usados para acelerar o crescimento dos animais. Ao consumirmos um produto com tais componentes, sejam carnes ou laticínios, acabamos absorvendo os seus malefícios. Um estudo feito pela Universidade do Sul da Califórnia concluiu que pessoas na faixa dos 40 anos que possuem alto índice de proteínas provenientes de animais no organismo possui 4 vezes mais a chance de desenvolver câncer que as outras. Ou seja, um risco de mortalidade parecido com o de fumantes.

O correto: substitua as proteínas animais por vegetais, como ervilha, lentilha, grão-de-bico, sementes oleaginosas, entre outros. A mesma pesquisa mostrou que uma dieta rica em proteínas vegetais, como as do feijão, que possui quase a mesma de proteínas da carne, não provocam o mesmo aumento nas taxas de câncer que uma dieta com muitas proteínas animais.

 

Advertisement. Scroll to continue reading.

3 – Cozinhar com o óleo errado

Estudos feitos em cozinhas de casas e restaurantes têm mostrado que cozinhar em alta temperatura com óleo de soja faz com que aconteça um lançamentos de material particulado e com nomes bem estranhos e maléficos: aldeídos e hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, encontrados na fumaça do cigarro e ligados à inflamação das vias aéreas.

O correto: escolha o tipo de óleo de cozinha adequados a cada tipo de preparo. Por exemplo, o azeite não é bom para fritar ou cozinhar a altas temperaturas, mas é ótimopara cozinhar a baixas temperaturas ou em saladas;  já o óleo de abacate é ótimo para ser utilizado em altas temperaturas.

 

Advertisement. Scroll to continue reading.

Saiba mais: 5 dicas para manter a saúde em dia

 

4 – Bronzeamento artificial

Um estudo recente no Journal of the American Medical Association aponta que o bronzeamento artificial cauda 420 mil casos de câncer de pele nos Estados Unidos por ano. Em comparação, fumar causa 226 mil casos de câncer de pulmão.

Advertisement. Scroll to continue reading.

O correto: o primeiro passo é aprender a amar o seu tom de pele. Mas se você realmente quer um bronzeamento natural, coma mais cenouras e tomates, sugere o estudo publicado pela revista Evolution and Human Behavior. Os dois alimentos são ricos em carotenoides que vão dar um boost no seu tom de pele, e você não terá que se preocupar com a exposição a ingredientes como spray de bronzeamento sem sol e loções.

 

Foto: iStock

Foto: iStock

5 – Não dormir o suficiente

Isso pode te deixar muito doente: a privação do sono pode causar pressão alta, problemas cardíacos, derrame, obesidade e outros problemas sérios. Um estudo descobriu que não ter pelo menos 6h ou 7h de sono deixa as taxas de mortalidade semelhantes às observadas em fumantes. Um sono de má qualidade, também é bastante prejudicial: dormir “picado”, acordar várias vezes durante à noite impede que o corpo entre na fase de sono profundo (chamada de “REM). Tal condição pode acelerar o crescimento de tumores.

O correto: não presuma que é normal estar sempre cansado. Essa fadiga pode estar ligada a diversos fatores, como alimentação e estresse. Converse com um profissional de saúde para descobrir as causas do sono irregular.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Advertisement

Você também vai gostar

Saúde

Aplicado como preenchimento para aumentar a musculatura, óleo mineral pode ser fatal

Fitness

Treinador explica os riscos de realizar certos movimentos de maneira inadequada na academia

Condicionamento Físico

Parar de praticar exercícios físicos por um tempo pode dificultar a volta para a academia. Confira como readaptar o corpo e recuperar o ritmo

Emagrecimento

Especialista em emagrecimento revela três benefícios da perda de peso que vão além dos fatores estéticos. Ganhos podem servir de motivação