Connect with us

O que você está procurando?

Emagrecimento

Ganhou peso na balança? Seu sono pode ser o culpado

Especialista explica como a qualidade do sono pode impactar na balança. Confira dicas para melhorar suas noites de descanso

Ganhou peso? Seu sono pode ser o culpado
Ganhou peso? Seu sono pode ser o culpado / Foto: Shutterstock
[PAGE TITLE]

Notou uns quilinhos a mais na balança? Saiba que, para emagrecer, não adianta somente dieta e exercícios físicos, é preciso também um sono de qualidade. Segundo o Dr. Pedro Andrade, médico especialista em medicina de precisão, o sono e o emagrecimento estão diretamente interligados devido à produção de alguns hormônios, como a leptina, grelina e serotonina. Quando estes hormônios estão em equilíbrio, favorecem o emagrecimento.

De acordo com o especialista, a privação de sono também está relacionada ao aumento de peso, pois diminui a ação da dopamina no córtex pré-frontal, área do cérebro responsável pela tomada de boas decisões. Isso resulta em uma menor capacidade de fazer escolhas por alimentos mais saudáveis ao longo do dia, impactando diretamente na balança.  

Apesar de não existir um padrão que defina quantas horas de sono são indicadas para cada pessoa, a Academia Americana de Medicina do Sono recomenda de sete a nove horas dormidas continuamente por noite

Advertisement. Scroll to continue reading.

“Quando o paciente já tem uma rotina equilibrada de exercícios e alimentação, a melhora do sono vem como um complemento para que ele tenha mais saúde e bem-estar. E os efeitos deste estilo de vida podem resultar sim na balança. A perda de gordura acontece, nestes casos, como uma consequência desta combinação”, destaca o Dr. Pedro.

Qualidade do sono e alimentação

Como apontado pelo médico, o sono age diretamente nas escolhas alimentares. Da mesma forma, os alimentos também interferem na qualidade das horas dormidas. “Funciona como um ciclo, você se alimenta bem para dormir bem. E dorme bem para conseguir fazer escolhas mais saudáveis”, explica.

O especialista alerta especialmente para o consumo de alimentos e bebidas estimulantes, principalmente à noite, o que pode comprometer a qualidade do sono. Proteínas de origem animal, cacau, café, chá verde e chocolate também fazem parte desse grupo. 

Advertisement. Scroll to continue reading.

Por outro lado, existem alguns alimentos que favorecem a qualidade do sono, como a banana, aveia, castanhas, abacate, espinafre e a semente de girassol. “Estes alimentos aumentam os níveis de triptofano e magnésio em nosso organismo, o que resulta em uma melhor qualidade do sono”, complementa.

Como dormir melhor

Alguns hábitos podem melhorar a qualidade do seu descanso, em especial três:

1 – Banho relaxante: 20 minutos antes do sono chegar, escureça ou apague completamente as luzes do banheiro e coloque algumas músicas relaxantes para tocar enquanto toma uma ducha ou um banho morno. O calor alivia as dores musculares, e o vapor limpa seu peito, o que é essencial se alguma alergia respiratória o impede de dormir bem à noite.

Advertisement. Scroll to continue reading.

2 – Alongamento: Depois de uns 10 minutos de banho morno, faça alguns alongamentos para prevenir alguma dor que possa surgir durante o sono. Dor nas costas é uma das mais comuns, mas é possível saná-las fazendo um pouco de yoga. Outra alternativa é a automassagem para aliviar algum tipo de tensão muscular, assim como a bolsa de água morna nas áreas doloridas.

3 – Leitura: Acomode-se na cama com um livro (nada de celular, pois ele vai estimular ainda mais a atividade cerebral). A monotonia é muito importante nessa etapa antes do sono e vai fazer com que suas pálpebras comecem a fechar em alguns minutos. Opte por um livro de verdade, não um computador ou tablet pois, assim como o celular, as luzes desses aparelhos vão te manter acordado.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Advertisement

Você também vai gostar

Fitness

Treinador explica os riscos de realizar certos movimentos de maneira inadequada na academia

Saúde

Nutrólogo revela 7 atitudes que podem garantir uma vida saudável. Exercícios físicos e alimentação estão entre as recomendações

Fitness

Treinadora conta o segredo para conseguir aumentar o gasto calórico sem precisar sair de casa

Nutrição

Além de saudável, alimento consegue aumentar a força do organismo em vários sentidos