Connect with us

O que você está procurando?

Fitness

Erros do emagrecimento: 7 atitudes que atrapalham a queima de gordura

Veja o que é indicado para perder a barriguinha e alcançar a sonhada definição muscular

Erros do emagrecimento
Erros do emagrecimento / Foto: Shutterstock

Você está desde o início do ano, ou pelo menos depois do fim do carnaval, tentando perder aquela gordurinha extra que ganhou durante a quarentena. Para atingir esse objetivo, se matriculou na academia, começou a seguir personalidades do mundo fitness para se inspirar e segue, até mesmo, uma dietinha para perder peso. Mas, os resultados não aparecem nunca. Provavelmente, você também está cometendo os famosos erros do emagrecimento.

Por isso, com a ajuda do treinador e assessor esportivo, Leandro Twin, separamos sete condutas que podem atrapalhar a queima do excesso de gordura corporal. Ou seja, aquilo que te impede de secar a barriga e garantir o shape do verão, que está cada vez mais próximo. Confira:

7 erros do emagrecimento

1. Treino fofo. “O treinamento visando hipertrofia é o que irá fazer você preservar a massa muscular (além da dieta, claro). Não faça repetições altas ou treinos metabólicos. O déficit calórico vem do aeróbico, dieta e da musculação, que tem o foco de segurar a massa muscular”, conta Twin.

2. Falta de atualização. “Mesmo com tudo correto, inevitavelmente você vai estagnar. Isso se dá porque o corpo sempre vai tentar regular o metabolismo para a realidade energética, que te faça parar de perder peso. Então, ao perceber que após uma ou duas semanas não houve mudanças, você precisará fazer uma nova calibração”, diz.

3. Exagero no aeróbico. O treinador conta que, se você já começa o processo de emagrecimento com muitos aeróbicos, quando estagnar o peso, não vai ter mais o que fazer. Por isso, comece aos poucos e aumente gradativamente a quantidade aeróbico, conforme precisar.

5. Exagero na dieta. “Muitas pessoas têm pressa para perder gordura e exageram no déficit calórico. Assim, há uma maior perda de massa muscular e, por isso, o percentual de gordura, que é em cima do peso total, cai de maneira mais lenta. Então, um déficit calórico maior é contraproducente e nada sustentável”, afirma Twin.

5. Exagero nos estimulantes. “Um déficit calórico muito grande gera muita fome e baixa disposição. Ou seja, isso leva a exagerar nos estimulantes para conseguir sustentar a dieta. Isso é um grande erro, pois no momento que você realmente precisar dos estimulantes, eles não funcionarão bem”, explica.

6. Inflexibilidade total. “Não fazer o dia do lixo é errado, ele aumenta a nossa resposta de queima de gordura nos próximos dias. Portanto, faça uma refeição livre na semana”, recomenda o especialista.

7. Flexibilidade em excesso. “Um pouco de açúcar no café ou uma balinha aqui e ali. Isso só não é relevante se pensarmos em um caso muito isolado, no entanto, o problema é quando essa atitude começa a ficar cada vez mais frequente e sabota sua dieta”, finaliza Twin.

Escrito por

Advertisement

Últimas Noticias

Fitness

Oportunidade que serve até para estreitar a relação com seu amor

Nutrição

O esporte é a "ferramenta" indispensável para essa proposta

Treinos

Tudo vai de acordo com a adaptação de um sujeito

Nutrição

É o tipo de produto que é a "bola da vez" do mundo fitness

Fitness

A sua musculatura vai lhe agradecer por essa iniciativa

Saúde

É um conjunto de teses que se atenta aos detalhes

Advertisement

Você também vai gostar

Fitness

Oportunidade que serve até para estreitar a relação com seu amor

Nutrição

O esporte é a "ferramenta" indispensável para essa proposta

Treinos

Tudo vai de acordo com a adaptação de um sujeito

Nutrição

É o tipo de produto que é a "bola da vez" do mundo fitness