Como correr na praia: 10 dicas para manter a forma durante as férias

Treinador revela alguns truques simples para conseguir se exercitar corretamente na areia

correr na praia
Como correr na praia / Foto: Shutterstock

Correr na praia, ou pelo menos caminhar, mesmo para aqueles que não são praticantes assíduos de exercícios físicos, costuma ser uma atividade prazerosa e relaxante. Aproveitar a brisa do mar, o sol e o clima de férias para mexer o corpo é, na maioria das vezes, uma ótima pedida. E, logo depois disso, refrescar-se com uma água de coco bem gelada completa o programa fitness de janeiro.

No entanto, ao correr na praia – principalmente quando é na areia e não no calçadão – é preciso ter alguns cuidados especiais. “A esteira é o local mais fácil de correr, pois o próprio aparelho traciona os pés do corredor. A areia é o local mais difícil, exigindo muito da musculatura”, revela o educador físico, Diego Lopez.

Confira as dicas que o treinador separou para você correr na areia:

1. Primeiro passo é o protetor solar. Mesmo que o sol não esteja tão forte, o próprio ambiente ajuda a refletir os raios solares, causando danos à pele. Óculos de sol, bonés e viseiras também são recomendados.

2. Dê preferência para roupas mais justas. A combinação de suor, areia e umidade natural do ambiente podem causar assaduras. E isso é extremamente desagradável para quem pretende correr na praia ou em qualquer outro lugar.

3. Vai com calma. Se você é iniciante, comece a correr apenas uma vez por semana na areia até ganhar mais condicionamento físico.

4. A caminhada também tem o seu valor. Comece sempre caminhando, para adaptar a musculatura e não gerar nenhum trauma muscular.

5. Leve sua garra d’água. Hidratação é tudo, principalmente em um ambiente quente e úmido como uma praia. Sempre leve uma garrafinha com você e aposte em bebidas isotônicas.

6. O tênis, nem sempre, é necessário. Na areia o impacto da corrida é menor, por isso, correr descalço não é um risco, mas esteja sempre atento aos objetos cortantes no chão e verifique sempre a higiene da praia.

7. De olho no relógio. Evite os horários de pico solar, das 10h às 16h. Dessa maneira, correr na praia fica mais seguro e o seu desempenho também será melhor.

8. Fuja das inclinações. Os desníveis podem causar lesões nos joelhos. Prefira correr em praias planas.

9. Atenção com o coração. Se tem mais de 40 anos, realize exames cardiológicos antes de se dedicar aos treinos e começar a correr na praia, ou em outro ambiente.

10. A diversão é fundamental. Praias são cenários perfeitos para uma boa corrida! Aproveite para alinhar corpo e mente, renovando as energias no início do ano.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você