Suplementação: quando e o que tomar? Descubra!

Conheça um pouco mais sobre o mundo da suplementação! O objetivo de cada um, a rotina, as necessidades nutricionais, o paladar e até o bolso

Suplementação: quando e o que tomar? Descubra!
Suplementação: quando e o que tomar? Descubra!

A lista de suplementos disponíveis nas lojas especializadas só cresce. É só bater um papo com a galera da academia, do grupo de corrida, ou de qualquer outro tipo de treinamento para perceber diferentes rotinas e descobrir o nome de algum suplemento que você nunca ouviu antes. São diversas opções de suplementação, mas tem também quem busque seus objetivos apenas adequando a alimentação. No meio disso tudo, as dúvidas permanecem, certo? Então, que tal saber um pouco mais sobre suplementação?

Para quem é indicado suplementar?

Os suplementos nutricionais (que não devem ser confundidos com hormônios) são recomendados para atletas ou praticantes de atividade física, pois eles necessitam de uma maior ingestão de nutrientes.Contudo, alguns suplementos podem ser indicados por nutricionistas ou médicos para pessoas sedentárias também, quando alguma deficiência é detectada. Gestantes, idosos, pessoas no pré ou pós-operatório ou com determinados problemas de saúde também podem necessitar.

Como escolher o melhor suplemento?

“Existem produtos como creatina e hipercalóricos, que são mais utilizados para ganho de peso e massa corporal. Outros, como termogênicos, são consumidos para perda de peso, por exemplo”, diz o fisiologista Gustavo Barquilha, mestre em Ciências do Movimento Humano. Buscar orientação antes de comprar o produto é indispensável porque ele pode ser contraindicado em alguns casos. “Pessoas hipertensas ou com problemas cardíacos, assim como os idosos, têm restrições quanto ao uso de suplementos com termogênico”, indica o endocrinologista e metabologista Mário Gonçalves Lhano.

Emagrece mesmo?

Esse é um dos objetivos mais comuns por quem busca algum suplemento para incluir na rotina saudável. Mas a nutricionista Maria Eugenia Gutheil lembra o que é a suplementação alimentar: “É a utilização de produtos enriquecidos por determinados nutrientes, como proteínas, vitaminas, minerais, entre outros”. Ou seja, a finalidade é complementar aquilo que está faltando no organismo. Claro que a falta de determinados nutrientes pode dificultar o emagrecimento, mas se o suplemento não for usado com cuidado, pode até engordar.

Quem já segue um cardápio individualizado e uma rotina de treinos, pode consumir suplementos com orientação, inclusive os que ajudam na manutenção da massa magra. “BCAA’s são importantes nessa fase e vale lembrar que manter músculos significa manter o metabolismo acelerado e, consequentemente, perder mais gordura”, salienta o nutricionista Daniel Coimbra. O mais comum para quem quer reduzir medidas é o suplemento termogênico, que acelera o metabolismo. Ele também é usado para melhorar o desempenho durante os treinos de alta intensidade e curta duração, adiando o estado de fadiga. Porém, o uso excessivo pode provocar problemas de saúde e existem contraindicações.

Atenção à dosagem

Não é só o tipo de suplemento que vai fazer diferença nos resultados obtidos, mas também a quantidade. Como cada organismo funciona de um jeito e as rotinas de treino e alimentação também são diferentes, o quanto cada um consome de suplemento deve vir de uma orientação especializada, pois os resultados vão bem além de um ganho de peso indesejado. “Em caso de superdosagem, os excessos podem ser prejudiciais à saúde. Podem ocorrer aumento da pressão arterial, problemas de estômago, dor de cabeça, insônia, taquicardia, cansaço, entre outros efeitos”, lista a nutricionista Priscila Gomes.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você