Connect with us

O que você está procurando?

Nutrição

Anabolizante natural existe? 6 alimentos com esse efeito

Veja alguns ingredientes comuns, que podem atuar no ganho de massa muscular

Anabolizante natural: nutricionista revela alimentos com efeitos anabólicos
Anabolizante natural: nutricionista revela alimentos com efeitos anabólicos / Foto: Shutterstock

Existem diferentes tipos de substâncias que ajudam a acelerar os resultados da academia e prometem melhorar o equilíbrio hormonal, como os esteróides. No entanto, esses produtos podem causar diferentes efeitos colaterais na saúde. Os mais comuns são acnes, queda capilar, aumento da pressão arterial, alterações comportamentais e distúrbio na função de órgãos. Por isso, a inclusão de anabolizantes naturais na dieta pode ser uma excelente alternativa.

A nutricionista e professora da Faculdade Anhanguera, Liliany Faicari, explica que alguns alimentos contribuem para a construção de tecidos musculares de forma natural e aumentam a massa magra. “Quando aliamos a prática de atividades físicas a uma alimentação balanceada, rica em nutrientes, o nosso corpo responde com a progressão muscular e redução no percentual de gordura”, afirma.

O acompanhamento de um nutricionista é imprescindível para o preparo de um cardápio personalizado, para cada tipo de corpo e rotina. “Algumas pessoas precisam de mais carboidratos para a hipertrofia, outras devem concentrar a quantidade de proteínas nas refeições e apenas um especialista graduado irá identificar essas necessidades com responsabilidade”, comenta. 

Opções naturais de anabolizante

A professora da Anhanguera indica os principais alimentos para uma rotina anabólica e natural:

Ovos. Receitas com ovos são sempre fáceis de preparar. Conforme a nutricionista, a concentração de proteínas nas claras varia na média de 6 a 7 gramas por unidade. Além disso, o alimento é completo com macronutrientes e possui carboidratos e gorduras em sua gema.

Aveia. A aveia é um ingrediente bem recebido pelo paladar de grande parte dos brasileiros e auxilia no funcionamento do sistema gastrointestinal, como explica a especialista. “O alimento proteico é indicado para pessoas com doença celíaca, pois é um farináceo sem glúten”, acrescenta.

Batata doce. A batata doce é rica em Vitamina B, ideal para a construção de massa muscular, além de trazer a sensação de saciedade. “Os demais tubérculos também são recomendados para uma dieta completa e permitem a diversificação no cardápio diário”, comenta Liliany.

Frutas. “Já que as frutas têm densidade energética baixa, podemos consumi-las consumidas em grande quantidade”, tranquiliza a profissional. As variedades são ricas em sais minerais, vitaminas e gorduras de alta qualidade.

Azeite. O óleo vegetal é capaz de aumentar os níveis de testosterona no corpo e consegue corrigir a quebra de macronutrientes no organismo, explica a professora. “Por ser um alimento aromático, traz sabor às refeições”, completa.

Carne vermelha. “Para as pessoas que não seguem uma dieta vegetariana, incluir carnes no cardápio é uma solução para o aumento de creatina no corpo, que auxilia no tônus muscular. O alimento também é fonte de ferro e combate a anemia”, finaliza.

Escrito por

Advertisement

Últimas Noticias

Saúde

Opções que ajudam até em casos graves de desvios posturais

Saúde

Outra tese que reforça o trabalho diário da saúde mental

Saúde

Não extrapole no consumo para obter os benefícios desse fruto

Saúde

É a constância que ajuda na conquista de objetivos

Saúde

A acne é mais um tipo de condição crônica que persiste na vida adulta

Nutrição

É o tipo de alimento que denota versatilidade

Advertisement

Você também vai gostar

Saúde

Opções que ajudam até em casos graves de desvios posturais

Saúde

Outra tese que reforça o trabalho diário da saúde mental

Saúde

Não extrapole no consumo para obter os benefícios desse fruto

Saúde

É a constância que ajuda na conquista de objetivos