Connect with us

O que você está procurando?

Treinos

Exercícios físicos ajudam no período menstrual; saiba como

Prática regular e com orientação pode trazer inúmeros benefícios

Exercícios físicos
Exercícios físicos - Shutterstock

É adepta ao exercício físico e sente receio de como manter esse hábito em meio ao período menstrual? Não se preocupe! Afinal, os exercícios físicos ajudam no período menstrual. Confira o motivo logo abaixo.

Resposta

“O que importa é aquilo que habitualmente já faz. Nós recomendamos fazer pelo menos 45 ou 50 minutos diários. É o que seria o adequado e vai ter uma produção de endorfina, que vai ajudar na disposição e nas cólicas menstruais”, disse com exclusividade para o Sport Life o ginecologista e colaborador do setor de endometriose do HC-FMUSP (Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo) Dr. Patrick Bellelis.

É o tipo de momento que tudo indica que haverá dificuldade para se exercitar independente do esporte em que esteja inserida. Patrick tratou logo de desmitificar esse mito e garantiu que um “empurrãozinho” qualquer já é o bastante para prosseguir.

“Como a atividade física diminui os hormônios como o cortisol e aumenta outros como a serotonina e a dopamina, em pouco tempo é possível notar a sensação de bem-estar e fica mais fácil seguir”, afirma.

Resultados dos exercícios físicos no período menstrual

A teoria é boa e quando “caminha” com a prática é melhor ainda. Pode parecer clichê, mas não é e Bellelis sentiu isso no dia a dia após a avaliação com as suas pacientes. O médico enumerou uma série de benefícios com as suas pacientes que apostaram em exercícios físicos no período menstrual.

“De um modo geral, todas as minhas pacientes têm uma disposição melhor, sono melhor, benefícios estéticos, menor cólica menstrual e menos TPM (Tensão pré-menstrual). O exercício físico é muito importante não só para as mulheres, mas para o público em geral”, encerra Bellelis.

Outra pesquisa

Tese que vem para ajudar principalmente as mulheres. A pesquisa divulgada pela EACH-USP (Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo) em maio de 2021 mostrou que as mulheres sentem menos prazer no exercício físico durante fase pré-menstrual.

14 mulheres maiores de 18 anos participaram dessa experiência, com ciclo menstrual regular de 25 a 33 dias e ambas se exercitavam com regularidade. O tempo foi de 15 minutos das integrantes desse trabalho na esteira e as sessões foram realizadas no intervalo de 48 horas.

O resultado foi que as mulheres na fase lútea sentiram maior ansiedade, tensão, depressão, hostilidade, menor excitação, afeto e motivação antes do exercício. Além disso, os pesquisadores da USP também notaram que o prazer foi negativo na escala usada na intensidade severa para quem admitiu prazer nas sessões.

Escrito por

Advertisement

Últimas Noticias

Nutrição

Esqueça o "conceito" de que comer bem custa caro

Saúde

A reserva cognitiva ajuda proteger o cérebro contra doenças

Nutrição

Tese que é o bastante para eliminar esse mito de que não se deve comer à noite

Saúde

Procedimento depende de inúmeros fatores para dar resultados satisfatórios

Fitness

Mais uma tese que reforça a necessidade da vida física ativa

Corrida

Recomendações que ajudam a criar a relação de paixão com as pistas

Advertisement

Você também vai gostar

Nutrição

Esqueça o "conceito" de que comer bem custa caro

Saúde

A reserva cognitiva ajuda proteger o cérebro contra doenças

Nutrição

Tese que é o bastante para eliminar esse mito de que não se deve comer à noite

Saúde

Procedimento depende de inúmeros fatores para dar resultados satisfatórios