Connect with us

O que você está procurando?

Fitness

Fisioterapeuta explica a diferença entre alongamento e aquecimento

Atividades são fundamentais para evitar lesões e melhorar o condicionamento físico

A diferença entre alongamento e aquecimento
A diferença entre alongamento e aquecimento / Foto: Shutterstock
[PAGE TITLE]

Se você faz algum tipo de atividade física é bem provável que já tenha se questionado sobre a diferença entre o alongamento e o aquecimento. Apesar de terem nomes semelhantes e, aparentemente, funcionarem como uma espécie de complemento para a prática esportiva, as duas modalidades são totalmente diferentes. Cada uma tem os seus próprios objetivos e benefícios.

O aquecimento, de acordo com Lívia Rodrigues, fisioterapeuta com especialização no Instituto Nacional de Traumato Ortopedia (INTO) e membro da Associação Brasileira de Fisioterapia Traumato Ortopédica (ABRAFITO), é uma atividade preparatória para exercícios que demandam esforços intensos. Enquanto o alongamento visa melhorar a flexibilidade e amplitude dos movimentos.

Entenda o aquecimento

Advertisement. Scroll to continue reading.

Segundo a especialista, o aquecimento deve ser realizado antes de qualquer atividade física, para preparar o corpo e evitar lesões. “Ele aumenta a circulação sanguínea, levando mais oxigênio para os músculos; eleva a frequência cardíaca e respiratória; aumenta a temperatura e a pressão arterial e lubrifica as articulações”, explica.

A realização do aquecimento deve ser feita com movimentos repetidos e de pouca intensidade. Também é importante que ele seja conduzido de acordo com o exercício a ser praticado posteriormente. Ou seja, se você vai correr, é ideal que inicie com uma caminhada leve, evolua para um trote e só depois comece a corrida.

Entenda o alongamento

Advertisement. Scroll to continue reading.

Já o alongamento, conforme explicou Lívia, é importante para aumentar a flexibilidade do corpo e promover uma maior amplitude dos movimentos. No entanto, ele não deve ser feito antes de atividades de força, como a musculação, por exemplo. O alongamento, realizado de maneira inadequada, pode diminuir o rendimento, atrasar a conquista dos objetivos e até mesmo causar lesões.

“Um alongamento leve pode ser feito após o exercício com o objetivo de relaxar e não de ganhar amplitude. Mas, o ideal é que seja feito em outro momento. Aí sim, de forma mais intensa, para que haja o ganho de amplitude”, recomenda a fisioterapeuta.

“O importante é que seja realizado um aquecimento pré-exercício e um relaxamento ao final, para o corpo desacelerar de forma gradual. O alongamento deve ser feito em outro dia”, finaliza Lívia.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Advertisement

Você também vai gostar

Fitness

Treinadora conta o segredo para conseguir aumentar o gasto calórico sem precisar sair de casa

Nutrição

Além de saudável, alimento consegue aumentar a força do organismo em vários sentidos

Saúde

Nutrólogo revela 7 atitudes que podem garantir uma vida saudável. Exercícios físicos e alimentação estão entre as recomendações

Corrida

Problema é comum entre corredores e precisa de paciência para ser resolvido