Gordura hidrogenada: uma grande inimiga da saúde

Aprenda nomes que são considerados sinônimos de gordura hidrogenada e conheça alguns dos problemas de saúde causados pelo seu consumo! Confira aqui

gordura hidrogenada
Foto: Getty Images
 A gordura hidrogenada é uma gordura vegetal que foi criada pela indústria para ser uma alternativa à gordura saturada proveniente do bacon, linguiça entre outros. A questão é: não existe gordura no mundo vegetal, somente óleos. Então, foi criado um processo de transformação desses óleos vegetais em gordura sólida.

No processo, os óleos são colocados em uma câmara com gás hidrogênio (daí vem o nome, hidrogenada), com alta pressão e alta temperatura. Nesse procedimento, os óleos se transformam em uma pasta preta, com mau cheiro, que precisa se alvejada e desodorizada para ficar sem cheiro e sem cor. Esta gordura, por mais prejudicial que seja, proporciona um aspecto crocante e seco aos alimentos, atraindo as pessoas pelo sabor e pela aparência.

“A gordura hidrogenada é pior que a gordura saturada do ponto de vista cardiovascular, pois ela “plastifica” os vasos sanguíneos, o que pode levar a infartos e derrames”, explica a nutricionista Alyne Santim.

De acordo com a pesquisadora Mary Enig, em seu estudo “A Verdade Sobre a Gordura Saturada”, as gorduras artificiais estão relacionadas com algumas patologias. Abaixo, seguem alguns itens da extensa lista de doenças e problemas de saúde causados por esse consumo:

 

 

Segundo a lista divulgada pela ANVISA, há nomes que podem ser considerados sinônimos de gordura hidrogenada sendo utilizados pelas industrias para enganar o consumidor. Fique atento no rótulo:

 

 

O grande problema é que os alimentos hidrogenados não se resumem a frituras, mas também a biscoitos, sorvetes, chocolates, macarrão instantâneo, batata chips entre muitos outros. A lista é muito extensa o ideal é estar sempre atento aos rótulos das embalagens e passar bem longe deles para assim manter sua saúde em dia.

Fonte: nutricionista Alyne Santim, atua na clínica Liliane Opperman.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você