Connect with us

O que você está procurando?

Busca

Corrida

Mizuno Uphill: 42K de vento implacável, com chuva e surpresas felizes

Apesar do tempo pouco indulgente, todos completaram a prova com sucesso e descobriram que o limite não existe

Uphill Mizuno

Texto e foto por: Amanda Preto

Ao conversarmos com alguns corredores no momento pré-prova, muita alegria e vontade de encontrar seus próprios limites superados na linha de chegada, a 42K de onde estávamos. Para muitos, era a primeira maratona da vida. Como não ficar ansioso diante de um desafio sem rosto? Tudo parecia conspirar contra o entusiasmo dos 300 guerreiros. Desde a largada, o vento não estava de brincadeira, tampouco a chuva, que chicoteava o rosto de todo mundo. Ao olhar para o céu preto, estava confirmado que aquela manhã não seria nada fácil. “Tô bem tranquilo para fazer essa maratona. Só neste ano, já participei de 20 provas”, conta o ultramaratonista Leandro Carvalho, com o semblante feliz como o de quem vai para uma festa.

Dada a largada, o humor negro tomava conta ao som de Highway to Hell. Como não rir do inesperado? O jeito era seguir em frente e cantar pra subir – literalmente. O percurso começava em uma altitude de 154 m e terminava nos 1419 m. Durante o trajeto, muitos seguiam focados no seu tempo, na sua capacidade de manter o fôlego com um ar que se tornava cada vez mais rarefeito. O preferido para ganhar essa parada era Clayton Conservani, jornalista da rede Globo conhecido pelas suas aventuras extremas no mundo do esporte. Mas o inesperado aconteceu. Dois atletas disputaram durante toda a prova o primeiro lugar: Gabriel Picarelli e Roberto Tadao, que se mantiveram quase equiparados. Em um momento, apenas 40s separavam Gabriel de Roberto.

SAIBA MAIS: SOL FORTE MARCA A XX MARATONA DE SÃO PAULO

Na van, acompanhamos o progresso de todos os corredores. Foi um caminho e tanto, pois olhávamos o esforço de todos que estavam lá e queríamos que no pódio coubesse aquela horda inteira. Ao chegarmos à reta final antes dos vencedores, avistamos um vulto se aproximando. Era Roberto Tadao, que ultrapassou Gabriel Picarelli entre os km 30 e 32 da prova. “Me preparei muito para esta prova. Ontem (no dia anterior à prova) vim conhecer o que me esperava. Acho que isso ajudou muito”, conta Tadao, que bateu o recorde do primeiro lugar do ano passado, Leonardo Maciel – 3:13:30 contra 3:31:31.

Não demorou um minuto e lá estava o Picarelli cruzando a linha de chegada. Sorriso no rosto, sinal de gratidão por tudo ter dado certo apesar das cãibras, que fizeram o atleta ser ultrapassado por Tadao. “Estou muito feliz com o meu resultado, essa foi uma das provas de asfalto mais desafiadoras para mim. Algumas curvas foram bem complicadas: eram estreitas e a chuva exigiu muita cautela”, explica o atleta, que completou a prova em 3:14:28.

Sem dúvida, a corrida é uma virtude meio viciante que faz muita gente voltar a enxergar o sentido da vida. Cleber Castilhano, o terceiro colocado masculino da Uphill, que o diga. Há seis anos, Cleber lutava contra as drogas, que dominaram por muito tempo a sua liberdade. “É uma emoção cruzar essa linha de chegada e lembrar de tudo o que eu passei. A corrida é a minha vida, eu saí de um vício para entrar em outro”, conta, com lágrimas nos olhos. Com o passar do tempo, os outros competidores foram chegando: de abraços apertados a pedidos de casamento, esse foi o cenário da Uphill deste ano: a certeza de que lá na linha de chegada o encontro com a sua conquista é garantido.

Confira a galeria completa da Uphill Marathon:

[galeria id=20]

Escrito por

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Últimas Noticias

Nutrição

Entenda como o açúcar pode estar presente na sua alimentação de maneira disfarçada

Nutrição

Esse alimento é uma figurinha famosa mas mais diversas dietas saudáveis

Nutrição

Mais uma prova de como adaptar o doce no seu dia a dia

Nutrição

Alimentos ricos em nutrientes e vitaminas impactam no bom funcionamento da visão

Saúde

Outro estudo que denota o perigo do consumo dessa bebida

Treinos

Essa compreensão é importante antes de montar cronograma de treinos

Advertisement

Você também vai gostar

Corrida

Muitos definem a corrida como “exercício do prazer”

Saúde

É o conjunto de teses que reforça o trabalho multidisciplinar para prática segura

Saúde

Modalidade também é conhecida como “exercício do prazer”

Corrida

Todo cuidado é importante antes do exercício