Connect with us

O que você está procurando?

Busca

(+) Esportes

Mountain Do Deserto do Atacama

O desafio mescla asfalto, trilha e areia

Foto: Mountain Do

Que tal participar de uma corrida em um local exótico, belíssimo e bastante desafiador? Dia 7 de dezembro, um grupo de brasileiros parte rumo ao deserto do Atacama, no Chile, para mais uma edição da Mountain Do, com distâncias de 6 km, 23 km e 42 km. A maratona mescla 5 km de asfalto, 2 km de dunas, 30 km de estrada de chão, 3 km de trilha e 2 km de areia – merecendo treinos mais do que completos para encarar a empreitada.

Foto: Mountain Do

Foto: Mountain Do

A largada é às 7h30, no simpático e rústico vilarejo de San Pedro de Atacama. O kit é composto por mochila, squeeze, boné, cinto de hidratação, bandana e toalha (pós-evento) – e é recomendado também completar a mala com creme hidratante, protetor labial, óculos de sol, vaselina e esparadrapo para salvar os pés das possíveis bolhas. Todo cuidado é pouco nessa prova exigente, pois além da distância, traz o desafio da falta de umidade do ar e altitude pouco usual para brasileiros (2 400m). É provável que a altitude faça com que o ritmo da prova seja menos intenso do que você treinou. Mas aproveite, então, para curtir cada pedacinho da paisagem espetacular. “Não resuma sua prova ao tempo de chegada, curta o visual, tire fotos, sinta a imensidão da paisagem, o percurso inóspito e sua luta para fazer parte dele durante a prova. Não é só uma corrida de fim de semana”, afirma o treinador Enzo Amato, que já participou do evento. “Você vai sentir a boca e o nariz secos. Pode levar cinto de hidratação para molhar os dedos e umedecer as narinas, além de beber pequenos goles com frequência. É provável que esteja frio logo cedo e muito calor horas mais tarde, escolha sua roupa de prova com base nisso”, completa.

O terreno não é muito técnico, então, não é necessário levar tênis de trilha, use o que estiver mais acostumado. “A prova de 42 km possui três grandes elevações, e é importante dosar o ritmo nas subidas, até caminhar em algumas circunstâncias para não fadigar muito a musculatura. Movimentos bruscos e rápidos não são aconselháveis, pois aumentar a amplitude da passada passa a ser muito desgastante. Manter cadência regular durante toda a prova é a melhor estratégia”, recomenda Fabiano Braun de Moraes, da Floripa Runners Assessoria Esportiva. Ele, que já participou da prova, também indica que se faça o último treino mais forte aproximadamente 10 dias antes do evento.

Haverá postos de hidratação com água e isotônico a cada 5 km, locais para alimentação com frutas, carboidrato em gel e suplementos nos quilômetros 15, 25 e 35. www.mountaindo.com.br

Escrito por

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Últimas Noticias

Nutrição

Essa fruta costuma estar no cardápio de uma pessoa que quer emagrecer

Nutrição

É mais uma boa opção para quem quer emagrecer

Nutrição

Consumo que traz efeitos satisfatórios em longo prazo

Treinos

Esse tema está sujeito a novos desdobramentos

Nutrição

Outra tese para reforçar a preocupação na hora de "petiscar"

Saúde

Lembre-se que a paciência impacta na conquista de resultados

Advertisement

Você também vai gostar

(+) Esportes

Saiba como escolher os melhores equipamentos, destinos e se aventurar com segurança

Calendário de provas

Confira todas as atrações esportivas do evento!

(+) Esportes

Está pensando em saltar de paraquedas? Conheça alguns dos cenários nacionais mais bonitos para quem quer se jogar nessa aventura!

(+) Esportes

O Arquipélago de Alcatrazes é regionalmente conhecido como patrimônio natural. Saiba como aproveitar o local ótimo para viagens de aventura!