Connect with us

O que você está procurando?

Condicionamento Físico

Perdeu massa muscular? Tome cuidado na hora do retorno

Se você ficou mais sedentário nos últimos tempos, fique atento a perda de massa muscular e volte às atividades com muito zelo

Perdeu massa muscular? Tome cuidado na hora do retorno
Foto: Shutterstock

Com as regras de distanciamento social, muitas pessoas reduziram – ou até mesmo pararam – a prática de atividades físicas. A chegada do inverno ainda ajuda a ficar mais tempo em casa, sem qualquer vontade de ir treinar. Não há dúvidas de que tudo isso afeta o preparo físico e gera uma sensação de grande perda de massa muscular.

“Há diminuição da performance normal. E essa perda no desempenho, pode, ainda, levar a maior número de lesões. Ou seja, o comprometimento é de dois modos: queda de performance e o aumento no risco de novas lesões no decorrer dos treinos, principalmente se não houver cuidado com o retorno gradativo. Uma dor, que antes não existia, que seria causada por um desequilíbrio de massa muscular, pode aparecer”, explica o Dr. Pedro Baches Jorge, ortopedista especialista em joelho e Medicina do Esporte da Clínica SO.U.

No entanto, a memória muscular é uma grande aliada dos atletas, amadores ou profissionais, na hora de recuperar o que foi deixado de lado. “Isso quer dizer que aqueles que já praticavam atividades físicas, têm o corpo adaptado ao treinamento e ativam esse recurso. E, dessa forma, precisam de menos tempo para recuperar a força, a massa muscular e o condicionamento”, emenda o especialista.

Além do tempo de treino antes do período de pausa, outros fatores estão relacionados à essa memória muscular, entre eles: a idade (a eficácia da memória diminuí conforme envelhecemos), o nível de treinamento (quanto mais adaptado às atividades físicas, melhor a memória muscular) e a inatividade (a eficácia é perdida conforme aumenta o tempo sem exercícios).

Ainda que alguns fatores possam indicar a recuperação mais rápida ou mais lenta da massa muscular, não é possível mensurar com exatidão em quanto tempo o atleta estará na mesma forma anterior à pausa.

O médico alerta que é preciso ter cuidado no retorno, que deve ser gradativo, planejado e montado de acordo com o nível mais baixo de condicionamento que foi atingido. “Tanto a parte nutricional, de força muscular e de condicionamento aeróbico, é preciso ter um olhar individual e progressivo em todos os aspectos”.

Com isso, o ideal para manter a massa muscular é sempre manter uma rotina de exercícios, mesmo que em casa e quando o frio está intenso. “O reforço da musculatura, mesmo dentro de casa, com exercícios funcionais, deve ser tentado, principalmente do abdome, pélvis, glúteos e membros inferiores. Assim, evita-se uma queda tão grande no condicionamento e diminui o risco de lesões no retorno”, conta. Ou seja, deve ser feito pelo menos um mínimo para manutenção.

Escrito por

Advertisement

Últimas Noticias

Eventos

Espaço dedicado para os nutricionistas ampliarem a sua visão de negócios

Eventos

Aproveite a Meia Maratona Internacional de SP e descubra o que é necessário para completar o seu circuito

Treinos

A disciplina é o que importa para conquistar ganhos expressivos

Nutrição

Trio que ajuda a sustentar a prática do exercício do prazer

Treinos

O conceito de “passo a passo” ajuda na construção de uma vida física ativa

Treinos

Esse aparelho desperta curiosidade de quem mantém vida física ativa

Advertisement

Você também vai gostar

Fitness

Os segredos para conquistar um físico forte e definido estão diretamente relacionados com o estilo de vida adotado

Definir músculos

Conjunto de dicas que serve para esclarecimentos de dúvidas

Treinos

São dez dicas para atingir resultados em longo prazo

Nutrição

A junção desse plano com treino equilibrado lhe ajudará no objetivo