Connect with us

O que você está procurando?

Produtos

Tênis: testamos 4 lançamentos da temporada

Nossa equipe de atletas testou os principais lançamentos de tênis para você escolher o seu par com segurança. Veja o desempenho dos modelos escolhidos!

frieira
[PAGE TITLE]

Tem dúvidas sobre a escolha do seu próximo tênis? Veja o que nossos experts acharam de alguns dos principais lançamentos de diferentes marcas.

 

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Wave Enigma 6, Mizuno

R$ 699,99
Testado por Gerson Leite, fisiologista do esporte da Trifosfato

Apesar de não ser o tênis mais confortável que já usei, me acostumei ao seu “jeitão” duro de ser, mas bem confiável como par de corrida para terrenos como asfalto, cimento, diferentes esteiras ergométricas e algumas ruas de terra pelas quais passei correndo.
Eu indicaria o Mizuno Wave Enigma 6 para atletas iniciantes mais pesados, pois o tênis vai muito bem nos quesitos estabilidade e segurança, o que pode garantir uma corrida mais segura. Mesmo não achando ele muito confortável, eu o usaria em provas com mais de 2h, principalmente se meu objetivo for confiabilidade na resposta.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Mas isso não quer dizer que ele não possa ser utilizado em provas mais curtas também, especialmente onde há pisos irregulares no percurso, como paralelepípedos, pela sua firmeza nos pés. Porém, para corredores mais experientes, teremos limitações na performance, já que a resposta dele não é tão rápida como a de outros modelos. Pelo valor do tênis eu optaria por outros modelos, mais leves, confortáveis e com melhor resposta.

 

 

Advertisement. Scroll to continue reading.
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Ignite Dual, Puma

R$ 499,90
Testado por Moisés Marinho, coordenador técnico da Bodytech João Cachoeira

O Ignite Dual é bem leve e tem uma boa linha de solado, o que gera muita firmeza. Também tem cabedal feito com uma trama de tecido bem respirável, o que proporciona conforto. O modelo que testei tinha cores vibrantes (gostei muito), mas há opções para os mais conservadores. Utilizei o tênis somente em asfalto e ele proporcionou segurança nesse tipo de piso.

Apesar do drop um pouco alto (12 mm), o Dual proporciona boa sensação de segurança. Um porém: eu tenho pés largos e ele se mostrou um pouco justo, mas isso foi minimizado depois de algumas corridas. Também senti o calcanhar um pouco “solto”, mas não a ponto de atrapalhar o desempenho. Eu o indicaria para provas rápidas (10 km) e de meia distância, como os 21 km. Entretanto, como seus materiais são de boa qualidade, também poderia ser uma alternativa para provas de longa distância, como a maratona. Quanto ao preço, vale o que se paga.

 

Advertisement. Scroll to continue reading.
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Wings Flyte 2, Salomon

R$ 699,90
Testado por Edmar Caetano, corredor profissional de montanha

O Flyte 2 é para atletas com experiência em corridas em trilhas e que gostam de uma pegada mais forte em percursos técnicos. O tênis apresentou bom desempenho em médias e longas distâncias. Apesar do solado alto, não cheguei a torcer o pé, algo frequente nos treinos específicos de montanha. O sistema de amarração é bastante eficiente e o cabedal firme traz bastante segurança aos pés.

 

Corrida: 15 dicas para iniciantes

Advertisement. Scroll to continue reading.

 

Utilizei o Flyte 2  em terrenos com pedras soltas, folhagens e raízes, na mata fechada e em estradas de terra. Ele mandou muito bem nesses terrenos mais técnicos, pois me garantiu estabilidade e segurança nas descidas e firmeza nas subidas. O solado rígido também mostrou boa eficiência em pisos duros de pedra, algo que me surpreendeu. Mas a biqueira do tênis deixa a desejar, pois comprime as pontas dos dedos, incômodo que fica evidente em descidas íngremes e que pode até levar a alguma esfoliação ou à perda de algumas unhas. O problema pode ser contornado com a compra de um tênis com numeração maior.

 

Advertisement. Scroll to continue reading.

 

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

 

Voltar, 361 Sport

R$ 499
Testado por Vitor Tessuti, ultramaratonista

Em uma primeira análise externa, o Voltar apresentou traços de cola em sua emenda da sola com o cabedal e uma pequena dobra no tecido na parte interna dianteira de um dos pés. Estas características são apenas para registro, pois não as considerei para a avaliação. Agora à review: seu cabedal é respirável, não esquentou o pé, mesmo tendo treinado em dias quentes. A combinação de cores é sóbria, nada tão espalhafatoso quanto os tênis atuais; me agradou bastante neste quesito. Esperava que fosse mais macio – senti senti uma certa rigidez em seu solado, por isso notei certa falta de mobilidade para efetuar a transição do calcanhar para a ponta dos pés. Normalmente, tênis com essa característica produzem mais barulho, pela minha percepção.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Por conta dessa rigidez, em treinos maiores que 15 km senti meu pé mais cansado cerca de 12 horas após o treino. Por essas características, pagaria em torno de R$ 300. Uma sugestão: pediria um cadarço maior, pois não gosto de utilizar os últimos furos e dou um nó no laço. Para fazer isso, tenho que utilizar o antepenúltimo furo e o tênis fica solto no pé.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Advertisement

Você também vai gostar

Saúde

Aplicado como preenchimento para aumentar a musculatura, óleo mineral pode ser fatal

Fitness

Treinador explica os riscos de realizar certos movimentos de maneira inadequada na academia

Condicionamento Físico

Parar de praticar exercícios físicos por um tempo pode dificultar a volta para a academia. Confira como readaptar o corpo e recuperar o ritmo

Emagrecimento

Especialista em emagrecimento revela três benefícios da perda de peso que vão além dos fatores estéticos. Ganhos podem servir de motivação