Connect with us

O que você está procurando?

(+) Esportes

Conheça os favoritos a ganhar ouro na piscina dos Jogos Olímpicos Rio-2016

Saiba quem são os nadadores que tem mais chance de levar o ouro nos jogos Olímpicos do Rio de Janeiro

Foto: Pixabay

Conheça os astros da natação e da maratona aquática nacional e internacional que chegaram como fortes candidatos a brigar pelo ouro nas Olimpíadas Rio-2016:

 

– Natação

 

Foto: jonne roriz/exemplus/cob

Foto: jonne roriz/exemplus/cob

1 – Thiago Pereira

A incrível medalha de prata nos 400 m medley na Olimpíada de Londres, quando deixou para trás nada menos do que Michael Phelps, serviu para tirar um peso extra das costas de Thiago Pereira. Conhecido pelo apelido de “Mr. Pan”, por seu desempenho assombroso em Jogos Pan-Americanos (com 23 medalhas, é quem mais subiu ao pódio no evento), ele nunca tinha brilhado em competições contra rivais mais poderosos. A partir daí, brilhou em dois campeonatos mundiais neste ciclo olímpico, com 2 bronzes em Barcelona-2013 (nos 200 e 400 m medley) e uma prata em Kazan-2015 (200 m medley). Já avisou que pretende se concentrar somente nos 200 m medley no Rio de Janeiro.

 

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

2 – Michael Phelps

O maior ganhador de medalhas olímpicas em todos os tempos (22 no total, sendo 18 de ouro) resolveu deixar a aposentadoria de lado para ampliar sua coleção de recordes na Olimpíadas do Rio de Janeiro. Michael Phelps tem ainda um desafio extra: superar o peso da idade (estará com 31 anos), algo considerável para quem disputa provas bem desgastantes, como os 200 m e 400 m medley. Ele vai nadar os 200 medlay, como esperado, os 100 m e 200 m borboleta e já levou ouro com a sua equipe no revezamento 4×100.

 

Veja também: Natação: 5 motivos para praticar

 

– Maratona Aquática

 

Foto: cob

Foto: cob

 

1 – Ana Marcela Cunha

A maratona aquática feminina é uma das poucas modalidades em que o Brasil aparece como principal favorito para ficar com o ouro. Isso graças à nadadora baiana Ana Marcela Cunha. Com 16 pódios consecutivos entre as temporadas de 2014 e 2105 nas provas internacionais, ela cumpriu um ciclo olímpico invejável, com 5 medalhas em campeonatos mundiais (na distância olímpica de 10 km, foram uma prata em 2013 e um bronze em 2015), além do título da Copa do Mundo de 10 km, em 2014. Ainda no Mundial de Esportes Aquáticos, em 2015, obteve o único ouro do Brasil na competição, na prova dos 25 km (distância não olímpica).

 

Foto: cob

Foto: cob

2 – Aurélie Muller

A principal ameaça ao ouro de Ana Marcela vem da França. Aurélie Muller, de 25 anos, começou a se especializar em provas de águas abertas a partir de 2006, depois de ter ficado com o ouro em competições de natação júnior, nos 1 500 m (Mundial do Rio, em 2006) e nos 400 m livre (Europeu de Las Palmas, em 2006). Embora tenha sido prata na prova de 5 km (distância não olímpica) do Mundial de 2011, em Xangai, ela tentou vaga para Londres-2012 ainda na piscina, mas não alcançou o índice necessário na prova dos 800 m. No atual ciclo olímpico, focou sua energia na maratona aquática e, no Mundial de Kazan de 2015, levou o ouro e a vaga olímpica na prova dos 10 km.

 

Escrito por

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

Últimas Noticias

Corrida

Os seus adeptos lhe definem como "exercício do prazer"

Eventos

É o tipo de prova que valoriza o trabalho em conjunto

Saúde

Os benefícios desse esporte ultrapassam as quatro linhas

Saúde

Mais um tema de interesse público, que reforça os danos desse estilo de vida

Nutrição

O chocolate amargo é a principal opção nessa proposta

Saúde

Outro motivo para atingir a meta proteica de forma saudável

Advertisement

Você também vai gostar

Natação

Especialista revela como o esporte pode melhorar o condicionamento e evitar lesões

Natação

É mais um exercício físico que aumenta a capacidade dos órgãos com o fortalecimento das musculaturas

Natação

O comunicador trata o esporte como “ferramenta” de bem-estar

Natação

A profissional de 25 anos faz parte da Seleção Brasileira e do Pinheiros-SP