Review: veja o teste do tênis Zoom Fly, novidade da Nike

Modelo é leve, tem ótimo amortecimento, fica firme no pé e ótimo para corridas tanto curta, quanto de longas distâncias

Nike Zoom Fly
Foto: Divulgação

Testei o mais recente modelo da Nike, Zoom Fly, em três distâncias diferentes (5km, 10km e 21km). O que mais me chamou a atenção, além do amortecimento, foi também a leveza do tênis, porque no percurso mais longo que corri, de 21km, com subidas e descidas, eu, que já tive um problema no joelho direito, não senti tanto as dores do impacto durante a corrida.

Outro ponto que me chamou a atenção foi também o quanto ele ficou firme nos meus pés durante todo o percurso nas corridas que fiz. Tanto pela sustentação no cadarço, como também nas laterais do modelo.

O Zoom fly tem a altura de 33 mm e, de acordo com a marca, para quem tem problemas no tendão de Aquiles, o drop de 10mm minimiza a tensão no local. A leveza do modelo se deve à placa de carbono injetada no comprimento total da entressola do tênis, ajudando nas passadas.

A marca oferece duas tecnologias: a Flymesh, exclusiva da Nike, com um material de sustentação com forro, sem costuras, que garante a respiração dos pés. A segunda é a Flywire que são fios colocados sobre a entressola, ajudando na resistência e sustentação do pé.

E vale o investimento, tanto para iniciantes, quanto para experientes: R$ 599,90 no par que é unissex.

Notas:

Estabilidade 5

Conforto 5

Qualidade do material 5

Amortecimento 5

Grip 5

Leveza 5

Veja fotos e detalhes do modelos da Nike Zoom Fly que foi testado:

 

Maraísa Bueno é jornalista da Sport Life Brasil, meia-maratonista e pratica Muay Thai.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você