Suplementos para emagrecer e ganhar massa muscular; aprenda a usá-los

Quando administrados de maneira correta, produtos podem complementar alimentação

Suplementos
Foto: Shutterstock

Suplementos costumam gerar dúvidas nas pessoas que praticam atividades físicas. Inclusive, durante um bom tempo os produtos eram vistos com certo preconceito. Algumas pessoas chegavam até a confundir os complementos alimentares com esteroides e anabolizantes. Mas, ao contrário do que alguns pensam, eles podem ser usados por qualquer pessoa que tenha carência de algum nutriente.

Geralmente, os suplementos alimentares são mais procurados por praticantes de atividades físicas, que buscam acelerar seus resultados. Eles podem auxiliar no ganho de massa muscular, no emagrecimento e até mesmo no fortalecimento da saúde e da imunidade. Mas, é necessário conhecer um pouco mais sobre eles para saber, primeiro, se existe necessidade de incluí-los na dieta. E, depois, qual dos complementos é o mais indicado para seu objetivo.

O que são suplementos?

O primeiro passo para avaliar se há necessidade de começar a tomar algum tipo de suplemento, é saber, de fato, o que eles são. De acordo com o assessor esportivo, educador físico e pedagogo, Leandro Twin, suplementos são nada mais do que um tipo de alimento, com nutrientes isolados e/ou concentrados.

Para esclarecer melhor, o especialista utiliza o exemplo da laranja e da vitamina C. A fruta possui uma quantidade específica de vitamina. Porém, por algum motivo, a pessoa precisa consumir dez vezes mais vitamina C do que é encontrado nela. Para facilitar, pode-se tomar um suplemento de vitamina C. “Uma laranja tem cerca de 50 mg de vitamina C e eu preciso de 500 mg. Para não ter que chupar dez laranjas, eu tomo um comprimido de 500 mg”, conta.

Além disso, vale lembrar que a laranja não é composta apenas por vitamina C. Consumir dez laranjas por dia aumentaria significativamente os carboidratos da dieta. O que, talvez, não seja muito interessante para dietas de emagrecimento, por exemplo. De acordo com Twin, suplementos servem, justamente, para isso: “usar um nutriente específico de uma forma mais confortável, ou então, sem agregados que podem ser desinteressantes”.

Quem pode ou deve tomar suplementos?

Existe também uma crença de que os suplementos alimentares servem apenas para deixar as pessoas mais musculosas. Ou pior, que tomar doses diárias de whey protein, por exemplo, vão te deixar extremamente forte.

Mas, conforme o assessor esportivo, Leandro Twin, nos explicou, os produtos funcionam apenas como um complemento alimentar. “Dentro de um contexto, ele [suplemento] vai suprir uma lacuna na dieta e fim. Não tem diferença nenhuma entre a proteína de um whey protein e de um frango – em resultado de ganho de massa muscular, força, estética etc.”, conta.

Dessa maneira, qualquer pessoa que tiver alguma carência nutricional ou que necessitar de uma maior praticidade para equilibrar a alimentação, pode recorrer ao uso de suplementos. De acordo com Twin, não importa se o indivíduo é iniciante, intermediário, avançado ou até mesmo se pratica alguma atividade física.

“Se eu consigo fazer uma dieta boa. Comer tudo, me alimentar perfeitamente com os alimentos, eu não preciso suplementar. Agora, se eu sou um completo iniciante, ou até mesmo se eu não faço musculação, nem nenhuma atividade, mas eu tenho uma carência que eu não consigo suprir na minha dieta, então eu posso suplementar”, pontua Twin.

Suplementos para emagrecer

No entanto, um dos grandes fatores que impulsionam as pessoas a buscarem uma suplementação, é acelerar a conquista de objetivos. Um deles é, justamente, perder peso. Segundo Twin, as pessoas que querem emagrecer devem apostar mais em produtos que exercem função termogênica no organismo. Aqueles que elevam a produção de calor no corpo e contribuem para a perda de gordura.

O carro chefe desses suplementos é a cafeína, mesma substância encontrada no café. E, de acordo com o especialista, a única diferença entre tomar uma cápsula de cafeína ou uma xícara de café – sem açúcar – é a concentração de cafeína, que pode ser mais elevada em comprimidos. Serve também para pessoas que não gostam da bebida, mas querem utilizar os benefícios termogênicos da substância.

“A cafeína é o mais forte termogênico natural que a gente vai encontrar. Porém, o que a gente vê são pessoas pegando cafeína e adicionando várias outras substâncias, como pimenta e gengibre, e vendendo isso como um termogênico supercaro. O poder de termogênese da cafeína – que é a melhor fonte natural – ainda assim é baixo. E o do restante é razoavelmente irrelevante. Portanto, o melhor suplemento é a cafeína pura, onde você vai pagar mais barato, pela melhor substância termogênica”, conta Twin.

Isso ressalta ainda mais a tese de que os suplementos não fazem milagre. Eles podem te auxiliar, mas só serão efetivos quando forem aliados a uma boa rotina de treinos e uma alimentação adequada.

Suplementos para ganhar massa muscular

Outro grande objetivo das pessoas que procuram suplementação é ganhar músculos. Mas, para quem acha que basta tomar um shake para ficar forte, temos más notícias. O que realmente eleva o nível de massa muscular e favorece a hipertrofia é o treino adequado de musculação e uma alimentação balanceada, com as quantidades corretas de proteínas, carboidratos e gorduras.

Os suplementos, na verdade, entram como um complemento nessa alimentação. Se por acaso, após consultar um nutricionista, a pessoa, por exemplo, verificou que precisa de uma certa quantidade de proteínas por dia, mas não consegue atingir a meta apenas com alimentos convencionais, tomar uma dose de whey pode ser uma solução.

No entanto, de acordo com Twin, existem também duas substâncias que melhoram o desempenho no treino e podem, de forma indireta, contribuírem para o ganho de massa muscular. Trata-se da creatina e da beta alanina.

“A creatina é muito conhecida, muito popular. Ela ajuda na ressíntese do ADP para ATP – adenosina difosfato para adenosina trifosfato – e a beta alanina também. Então não são suplementos que fazem ganhar massa muscular. São suplementos que melhoram a performance no treino e com um treino melhor, você evolui mais”, completa o especialista.

Assim como para quem quer emagrecer, ganhar massa muscular depende muito mais dos treinos e da dieta. Os suplementos são apenas um aliado na busca por esses objetivos.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você