Ansiedade: como aliviar os sintomas através da alimentação

O transtorno que afeta o humor e a qualidade de vida pode ser atenuado com a alimentação. Saiba quais alimentos ajudam a diminuir a ansiedade

Ansiedade: saiba como aliviar os sintomas através da alimentação
Ansiedade: saiba como aliviar os sintomas através da alimentação / Foto: Shutterstock

De acordo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 264 milhões de pessoas em todo o mundo têm algum grau de ansiedade. No Brasil, 9,4% da população vivem com esse transtorno, que é caracterizado pela preocupação excessiva e sensação de que algo negativo irá acontecer.

O que poucas pessoas sabem é que, além da terapia e da prática de atividade física, a ansiedade também pode ser atenuada através da alimentação. Isso porque existem alguns alimentos que atuam diretamente no alívio dos sintomas causados pelo transtorno.

“A ansiedade é uma das compulsões mais difíceis de controlar, o paciente conta com uma extrema dificuldade em relaxar e praticar atividades simples do dia a dia”, diz Fernanda Larralde, nutricionista especializada em nutrição esportiva e funcional. A especialista listou cinco alimentos que não podem faltar na dieta de quem sofre de ansiedade. Confira:

Castanha do Pará

A Castanha do Pará é um fruto rico em selênio. “O composto melhora o humor e reduz a inflamação, trazendo alívio em pessoas que sofrem com distúrbios de humor elevado”, explica a nutricionista. Além disso, o alimento conta com antioxidantes e vitaminas benéficas à saúde.

Sementes de Abóbora

As sementes de abóbora são uma ótima fonte de potássio, e ajudam na regulação dos eletrólitos no corpo, além do gerenciamento da pressão arterial. Segundo a nutricionista Fernanda Larralde, o fruto também ajuda a diminuir o estresse e a falta de sono, o que colabora para a melhora dos sintomas de ansiedade ao longo do dia.

Chocolate

“O chocolate é rico em flavonóides, um antioxidante que ajuda na produção de serotonina, conhecido como o hormônio do bem-estar. Além disso, o elemento é capaz de reduzir a neuro inflamação, diminuindo a morte celular do cérebro e melhorando a circulação do sangue pelo corpo”, explica a especialista.

Chá verde

Ultimamente o chá verde vem ganhando grande destaque no combate a ansiedade. “Ele possui um composto chamado theanina, conhecido pelo seu potencial de controlar o humor e ter atuação de calmante e sedativo”, comenta Fernanda. Além disso, pesquisas apontam que o chá também ajuda a produzir serotonina e dopamina, substâncias que ajudam no desempenho cerebral.

Iogurte natural

De acordo com a nutricionista, os lactobacillus e as bifidobactérias (as bactérias boas presentes no iogurte), causam efeitos positivos na saúde do cérebro. “Além disso, esses ativos produzem anti-inflamatórios que reduzem as chances de uma inflamação crônica e de maneira indireta auxilia nos sintomas da ansiedade”, finaliza.

Fonte: Fernanda Larralde, nutricionista especializada em nutrição esportiva e funcional.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você