Correr com sobrepeso é perigoso? 3 dicas para você começar agora

Especialistas indicam o que as pessoas que estão acima do peso precisam fazer para entrar no esporte

correr com sobrepeso
Os cuidados para correr com sobrepeso / Foto: Shutterstock

É normal que pessoas que já desenvolveram um certo grau de obesidade, ou mesmo quem apenas está acima do peso, sinta medo de correr com sobrepeso. Isso, provavelmente, porque essa atividade é considerada muito intensa e tende a elevar a frequência cardíaca para os níveis mais altos. E, de fato, pessoas com grande percentual de gordura corporal precisam ter atenção com esse fator.

Fora isso, existe também a questão do impacto gerado durante as passadas. Correr com sobrepeso – e sem orientação – pode sim agredir as articulações, causando dores e até mesmo lesões. Mas, ao contrário do que alguns imaginam, a corrida não é um esporte exclusivo para pessoas magras. Pelo contrário, ela é uma atividade que consome altos níveis calóricos e deve ser praticada por todas as pessoas que prezam por um estilo de vida saudável.

Porém, é inegável que correr com sobrepeso exige alguns cuidados extras com a saúde e a preparação. Por isso, consultamos alguns especialistas no assunto e separamos três dicas fundamentais, para você começar agora mesmo. Confira:

1 – Independente do seu peso, é necessário fazer exames

“Ter porcentagem de gordura mais alta não significa necessariamente que você corre mais riscos cardiovasculares. Independentemente disso, claro, é preciso fazer exames periódicos. Um teste ergoespirométrico é fundamental para indicar se o coração e os pulmões estão bem, mostrar as taxas do metabolismo e os limiares seguros de treino”, orienta a educadora física Thabata Giavoni.

2 – Comece aos poucos e aposte em atividades complementares

“No início, as gordinhas devem intercalar caminhadas rápidas com caminhadas lentas e, progressivamente, introduzir corrida com intervalo maior de caminhada, até correr o tempo todo. Mais que intensidade, no início é preciso ganhar volume de treino. Outra opção é o deep running. A corrida dentro da água oferece mais resistência. Assim, você ganhará condicionamento sem o impacto da corrida no asfalto”, recomenda a treinadora Carla Moreno.

3 – Alimente-se bem, mesmo com sobrepeso

Não é raro encontrar pessoas querem emagrecer e, para isso, apostam em dietas malucas e agressivas. Para correr com sobrepeso é preciso abastecer o organismo corretamente. “Alimentos de baixo índice glicêmico (absorção lenta) liberam açúcar em menor velocidade no sangue e levam a uma menor liberação de insulina. São ricos em fibras e dão mais saciedade – caso da batata-doce e da aveia”, ensina a nutricionista Paula Crook.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você