É bom correr depois da musculação?

Para evitar lesões, é importante incluir a musculação. Mas o que é melhor fazer primeiro? Descubra a resposta para esta dúvida

correr depois da musculação
Foto: Getty Images

A hora de fazer a atividade aeróbica causa muitas dúvidas nas pessoas que treinam. Correr depois da musculação é uma das questões mais frequentes para os profissionais de educação física dentro das academias.

E o momento que é feito treino aeróbico em relação ao de força vai depender muito do objetivo de cada um. Se o seu é a perda de gordura, correr depois da musculação é a escolha certa para atingir essa meta. Isso porque a forma como o corpo gasta as reservas energéticas nesse caso favorecem a redução do percentual de massa gorda. Para entender o funcionamento dessa forma de se exercitar,  confira as dicas de Luiz Gilla, da academia Smart Fit (RJ).

Saiba os resultado de correr depois da musculação:

EFEITOS DE CORRER DEPOIS DA MUSCULAÇÃO:

Correr depois da musculação, que é um treinamento de contra resistência, é ótimo para quem quer perder gordura corporal. Isso acontece porque a primeira fonte de energia que o nosso corpo utiliza é o glicogênio, e não a gordura. O glicogênio sempre será usado primeiro do que a gordura; quando ele se esgotar, ela será usada como a segunda opção.

COMO FUNCIONA:

Um treinamento aeróbico de cerca de 30 minutos diminui glicogênio. Já a musculação, por ser um  treinamento anaeróbico, sempre usa o glicogênio como fonte de energia. Então, se fizermos musculação, diminuiremos os níveis de glicogênio, fazendo com que sejam maiores os gastos de gordura durante o treinamento aeróbico realizado depois da atividade anaeróbica.

corrida depois da musculação

Foto: Getty Images

CUIDADOS QUE DEVEM SER TOMADOS:

Lembrando que se realizarmos uma atividade aeróbica prolongada, não teremos um bom desempenho no treinamento muscular, já que consumiremos o nosso combustível para a primeira atividade.

MONITORAMENTO CARDÍACO:

Quanto ao batimento cardíaco, é importante que ele esteja em torno de 65% a 75% da sua frequência cardíaca máxima. Para calcular a sua frequência máxima é bem simples: 220 – sua idade = frequência máxima. Se você tiver 30 anos, o cálculo ficaria assim: 220 – 30 = 190. 65% seria 190 x 65% = 123.

Correr depois da musculação pode ser uma ótima opção para quem deseja perder gordura, então se esse é o seu objetivo, a atividade após o treino de força é uma ótima opção. Gostou da dica? Então não deixe de nos acompanhar nas redes sociais para saber mais sobre saúde e esporte: InstagramFacebook e Twitter.

Os comentários estão desativados.

Recomendadas para você